08/06/2021 | Cultura

Programação do 13° dia da Mostra La(B)auru tem música, audiovisual e documentário

A Secretaria de Cultura promove, nesta quarta-feira (9), às 20h, o 13º dia da Mostra La(B)auru. O evento online acontece diariamente até o dia 21 de junho. O público pode acompanhar a programação por meio do canal no Youtube da Secretaria de Cultura: www.youtube.com/c/SecretariadeCulturadeBauru .

Ao longo do evento, mais de 120 apresentações levam ao palco digital música, teatro, literatura, circo, dança e produções audiovisuais. As propostas dos artistas foram selecionadas e contratadas por meio do Edital Ações de Difusão Cultural de Bauru – Lei Aldir Blanc.

Acompanhe a programação desta quarta-feira:

"Língua Embrazada - O Preconceito Linguístico na Cultura do Funk Brasileiro" - Alunte Produções

A apresentação tem como proposta um minidocumentário sobre o preconceito linguístico na cena do funk brasileiro. O vídeo busca retratar os dilemas da linguística e a trajetória desde o início dos anos 90. Também aborda a marginalização do estilo musical e o encarceramento e genocídio de protagonistas periféricos que ganham visibilidade com o gênero no Brasil. O minidocumentário traça um paralelo com a cena bauruense, tendo como base para isso o documentário “Flux014 - Os Rolês da Quebrada”, produzido pelo Jornal Dois, que narra a cena bauruense do funk e do hip hop.

O documentário conta com Fernanda Diniz como pesquisadora, roteirista e editora do vídeo, e Joyce Rodrigues como produtora e narradora. Fernanda iniciou os estudos em teatro e performance através dos cursos oferecidos pelo DEA. Foi integrante do Grupo Maquinaria de teatro e é cofundadora da casa cultural Alunte. Atuou como produtora, curadora e gestora administrativa de eventos culturais, oficinas, rodas de conversa, cinema gratuito, shows, exposições, entre outros.

Joyce é artista independente, musicista, atriz e produtora cultural. Tem formação independente em teatro e performance, é cofundadora do grupo Maquinaria e da casa cultural Alunte. Tem passagem pelas bandas Autoboneco e Young Lungs, bandas independentes de Bauru, como baixista e baterista. Fez trabalhos com edição de vídeo e sonoplastia para produções culturais na cidade de Bauru. Atualmente cursa Jornalismo na Unesp Bauru.

"Show Vivenciar" - Banda Pax

O show é composto por um repertório com músicas marcantes dos 21 anos de história da Banda Pax. A apresentação tem cerca de uma hora de duração e conta com arranjos especiais e interpretações dos principais sucessos da música gospel católica.

A Banda Pax é uma banda de música católica da Diocese de Bauru. O grupo tem como principais características o repertório composto por músicas de louvor e adoração, a humildade no serviço e o carisma do exemplo. A Banda PAX nasceu em 1999, na Paróquia Universitária do Sagrado Coração de Jesus, em Bauru, durante uma campanha pela paz e do desejo de alguns jovens em contribuir e juntar forças para a evangelização através da música.

Nesses 21 anos, o grupo participou de diversos eventos católicos, em Bauru e em outras cidades, como o Hallel de Franca, maior evento de música católica da América Latina, e o Hallel Bauru. A Banda PAX é composta por Flávia Razera, Cássio Razera, Eduardo Rala, Rogério Serrano, Luiz Otávio Maziero, Caio Candosin e Marcelo Graziani.

"Imersão Audiovisual" - Mais Valia

A proposta da apresentação da banda instrumental Mais Valia é levar ao palco digital experimentalismos e paisagens sonoras, buscando uma experiência de reflexão e reinterpretação do espaço vivido e suas subjetividades.

A banda Mais Valia lançou seu álbum de estreia em 2015 e teve a faixa 'Belzebu' citada pela revista Rolling Stone Brasil como uma das 50 melhores músicas nacionais do ano. Durante sua trajetória, a banda percorreu o interior e capital de São Paulo, além de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Norte, tocando em shows e festivais como Dosol, PIB/Casa das Caldeiras, Sinewave Festival, entre outros palcos. Desde então, a banda vem lançando trabalhos conceituais periódicos e se apresentado em palcos de grande expressão no circuito alternativo brasileiro.

"SOMANATRACK" - Thigor MC

O projeto "SOMANATRACK" (soma na track) tem como proposta agregar a musicalidade e a cultura hip hop ao cenário atual da sociedade pós-moderna. Inspirado num momento de dificuldades pessoais, Thigor MC compõe canções que remetem a um "novo começo" e suas reflexões são expressas através das rimas. Em cada faixa, Thigor busca comunicar suas opiniões, experiências de vida e essência e, de alguma forma, "somar" suas ideias às do interlocutor.

Thiago Luiz da Silva, conhecido como Thigor MC, é rapper, educador social, proprietário do selo independente Peso Latino e idealizador do projeto “Somanatrack”. Na cena Hip Hop desde 2006, é conhecido no cenário da música independente pela versatilidade musical e potência vocal. Desde 2007, Thigor realiza trabalhos sociais na Fundação Casa, desenvolvendo diálogos e intervenções musicais junto aos reeducandos. Lançou os álbuns “A caminhada continua” e “Vivendo e Relatando”, e o DVD “Notas e Relatos”. Recentemente participou da 2ª edição do festival “Sons da Rua”. Em 2018, iniciou o projeto “Somanatrack”.

"A Noiva do Casarão" - Três 2 Produções

A apresentação tem como proposta a gravação de um curta-metragem sobre a lenda urbana bauruense “A noiva do casarão”, que conta a história de uma tragédia que aconteceu no casarão de uma das fazendas no distrito de Tibiriçá, quando uma jovem noiva teria tropeçado nas escadarias do casarão no dia do seu casamento e morrido. Inconformada pela impossibilidade de viver seu grande amor, o espírito da jovem noiva é visto até hoje andando pelas ruas do distrito de Tibiriçá pedindo para que as pessoas tirem o véu do seu rosto.

A Três 2 produções é composta por cinco estudantes de comunicação social - Radialismo da Unesp de Bauru e está inserida na produção cultural e na propagação de conhecimento na cidade de Bauru, desde 2017. Atuando em diversas frentes, os profissionais que integram a produtora possuem experiência em produção de curtas metragens ficcionais, transmissões ao vivo, produção de programas para TV e internet, realização de videoclipes e documentários. O último trabalho realizado pela equipe, foi a transmissão (em parceria com PI Cultural de São José dos Campos / SP) do “Painel Intergovernamental Sobre Mudança do Clima” para a Rede Clima em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

Programação desta quarta-feira (9/06):
“Língua Embrazada - O Preconceito Linguístico na Cultura do Funk Brasileiro” - Alunte Produções (Audiovisual)
“Show Vivenciar” - Banda Pax (Apresentações artísticas)
“Imersão Audiovisual” - Mais Valia (Apresentações artísticas)
“SOMANATRACK” - Thigor MC (Cultura Popular, Identitária e Pluralidades)
“A Noiva do Casarão” - Três 2 Produções (Audiovisual)