30/08/2023 | Economia e Finanças, Negócios Jurídicos, Gabinete, COHAB

Caixa aprova acordo para o parcelamento da dívida da Cohab de Bauru

A Prefeitura de Bauru deu um passo importante nesta quarta-feira (30) para resolver a antiga dívida da Companhia de Habitação Popular de Bauru (Cohab) com a Caixa. Em reunião do Conselho da Caixa, o banco aprovou o acordo para o parcelamento da dívida, com pagamento durante 30 anos. O débito, que cresce a cada mês sem o acordo, está na ordem de quase R$ 2 bilhões, mas com as negociações, na qual foram considerados os créditos que a Cohab possui, o valor foi reduzido para R$ 383 milhões.

A prefeita Suéllen Rosim, o secretário de Finanças, Everton Basílio, e o presidente da Cohab, Everson Demarchi, participaram da reunião em Brasília, nesta quarta-feira, que teve a presença do diretor Jurídico da Caixa, Jaílton Zanon da Silveira, e de diretores responsáveis pelo FGTS. A próxima etapa será a avaliação da minuta do acordo, pelo Jurídico do município, e em seguida um projeto de lei será enviado para análise da Câmara Municipal. Caso o projeto de lei seja aprovado, a companhia poderá assinar o acordo com a Caixa, reduzindo a dívida para cerca de R$ 383 milhões, com pagamento por 30 anos, dentro da capacidade financeira do município.

Para a prefeita Suéllen Rosim, esta é uma conquista histórica para Bauru. “A gente entra na fase final, com a aprovação da Caixa, agora o Jurídico do município vai fazer os ajustes e depois enviaremos o projeto de lei para a Câmara. Se aprovado, vamos assinar o acordo para iniciar os pagamentos e encerrar uma discussão de décadas. O valor que Bauru teria que pagar poderia inviabilizar a capacidade futura de investimentos do município, por isso esse acordo é tão importante”, afirma. O presidente da Cohab, Everson Demarchi, também falou sobre a aprovação na Caixa. “Com a aprovação do Conselho, finalizamos a parte envolvendo a Caixa. Agora vai faltar os ajustes finais e o projeto de lei no Legislativo, pois é necessária aprovação dos vereadores para assinatura do acordo”, destaca.

NOVAS CASAS
A prefeita Suéllen Rosim esteve ainda na Secretaria Nacional de Habitação, para que Bauru seja contemplada com a faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida. A proposta é que seja incluída a construção de moradias para a comunidade do Jardim Europa, e a possibilidade do governo federal investir em mais casas na faixa 1 em outras regiões do município. Nas faixas 2 e 3, Bauru também deve receber recursos.

A reunião do Conselho da Caixa aprovou o acordo da dívida da Cohab