20/09/2023 | Defesa Civil

Defesa Civil alerta para cuidados que devem ser tomados durante as altas temperaturas

A Prefeitura de Bauru, por meio da Defesa Civil, alerta para as altas temperaturas que deverão ocorrer até a semana que vem, podendo chegar aos 40 graus e umidade relativa do ar abaixo dos 20%. Portanto, a população deve estar preparada para essa onda de calor que causará o aumento nas temperaturas.

Os primeiros cuidados, segundo alerta o coordenador da Defesa Civil de Bauru, Marcelo Ryal, devem ser com a Saúde. “Durante esse período seco, as pessoas devem procurar hidratar-se frequentemente, evitar a realização de exercícios físicos em áreas abertas, evitando ficarem expostas ao sol, ventos e a poeira de forma geral, durante os horários mais críticos do dia”, afirma.

Outra recomendação é com relação aos incêndios que são comuns durante esse período. Ryal esclarece que o tempo quente e seco é propício para as queimadas florestais e nas áreas urbanas, onde uma simples faísca pode se transformar em um incêndio com potencial de destruir grandes áreas e prejudicar ainda mais a qualidade do ar. Vale ressaltar que é proibido por lei atear fogo mesmo que seja para pequenas quantidades de folhas de árvore ou lixo, e para limpeza de terrenos.

Além de causar prejuízos ambientais e para a saúde pública, as queimadas são classificadas como crime ambiental passível de multa quando provocadas intencionalmente. Para coibir as ações criminosas, a Secretaria do Meio Ambiente (Semma) tem autuado proprietários de terrenos e residências com casos de queimadas. A autuação, em um primeiro caso, é feita com uma advertência e, em situações de reincidência, é aplicada multa que varia de R$ 1.500,00 a R$ 27.000,00, com ou sem flagrante e independente da identificação do autor da infração. A punição segue o previsto no Decreto Municipal 13.134/2016.

Ao qualquer sinal de incêndio, a população pode ligar para o 193 e acionar o Corpo de Bombeiros. As denúncias de queimadas podem ser feitas pelo e-mail meioambiente@bauru.sp.gov.br e pelos telefones da Semma, no (14) 3234-6849 e (14) 3223-3928. No ato da denúncia, devem ser informados o nome do bairro, da rua, o número da quadra e do terreno ou residência. Caso o local não possua numeração, é preciso indicar um número de referência, como por exemplo, o número de uma casa ao lado ou em frente.

Defesa Civil alerta para cuidados que devem ser tomados durante as altas temperaturas